sexta-feira, setembro 26

NOITE


3 comentários:

*Mar disse...

A tua noite tá bonita amiga e as palavras do nosso poeta maluco também. Beijo com votos de que esteja tudo a correr bem por aí.

Susete Evaristo disse...

Olá amiga. Chams-lhe noite mas tanto pela cor como pelas palavras do poeta a mim parece mais madrugada.
Hum! acho que tens a mesma pancada que eu, ir para a varanda às 4/5 da manhã.
Aqui a essa hora em que quase se abate um silêncio total sobre a crel, que passa mesmo aqui ao lado é muito agradável.
Beijinhos

XICA disse...

Mar, é exactamente porque as coisas estão mal, muito mal que tenho a noite por conta e tempo para tudo; só mesmo o poeta doido para ajudar.
Susete, é isso mesmo, o tempo todo do mundo à noite, as noites estão por minha conta, sono? Isso é o queim?