quarta-feira, agosto 13

JÁ SEI.... JÁ SEI

Entre ir ao estrangeiro dar palha ó burro e ir à grande urbe abastacer a barreca, optei pela segunda hipótese, uma vez que se aproxima o feriado, acompanhada pelo Mais que Tudo, era perfeito. No percurso pra lá, tudo normal, não fôra, eu ter a mania que sou esperta e pimba....... Há uma anedota que me contaram em tempos e da qual não me esquecia toda a tarde- era mais ou menos isto " os inteligentes do mundo meteram numa sonda, rumo a Marte macacos com um fim especifico, para cada um deles havia um botão da dita cuja que lhes estava destinado e assim não havia hipóteses de haver problemas, da terra eram comandadas as operações, num desses momentos, em que a terra estabelece contacto, ouve-se um alentejano - já sei.... já sei, dou de comer aos macacos e não mexo nos botões.
Eu deveria ter-me lembrado disto antes de mexer no botão que abre o tejadilho da viatura, na qual me desloco diáriamente e que sem ela teria que voltar a habituar-me a andar de caminete da carrêra, é que me custou esta tarde a módica quantia de 1000 euros, leram bem 1000 euros ( 200 continhos pó galhêro), porque avariei aquela geringonça.
Depois de munto arrematar e tentar trocar a limusine por um burro e fardos de palha, no representante da marca, provocando gargalhadas gerais no meu acompanhante e mecânicos, lá saí com a mesma preparadinha para nunca mais andar de "gadelhas ao léu", VT ( vento nas Trombas), só pelas laterais.

5 comentários:

Susete Evaristo disse...

Bóina maruja ao lado
Loira madeixa ao vento.

E memo assim nã tens emenda! Atão dexéstis de andar de gadelha ó vento e vastes por naqueles dispropósetos balhendo com o joão baiao no largo de Beja? Sim qué bem te vi.Ele eram palmas ele eram braços no ari ele era pézinho a balhari tu não tens juizo moça?
Sim e natavas sozinha a outra também lá andava é jé las canto!!!

bulgari disse...

Náaaaaaaaaa posso crer!!!
Então já não te entra aragem na caximoina? Eu disse que essa cena era muito moderna e que fazia mal aos nervos. Pelo jeitos a brincadeira ficou cara. Tens aí de visita aquele moço muito giro? Que pena eu andar por outras banda, mas tou quase de volta.
Um grande abreijo para ti e restante pessoal.

XICA disse...

Susete, tu tás equivacuada menher, a que tu vistes na tlevisão é a MAR, euzinha estava a realizar um dos grandes sonhos da minha vida ( SER DOMÉSTICA, panos, produtos de limpeza, aspirador, baldes, esfregona, fraldas, papas, tudo menos bêjos do Baiône, até porque se me encontra-se nas redondezas, cu fêtio q´eu tenho, ia pó lado oposto, a muitos kilómetros de distância.

Bulgari, amiga, tã nã vês que fiqui sem descapotável, tu bem arrematastes d´ir cu sóla na molêrinha, quando fôr do coelhinho, lá taremos quir de camineta da carrêra.
E, sim, tenho cá o meu lindão, a
2ª melhor coisa da minha vida.

Susete Evaristo disse...

E é nã sei quera a Mar só qué pensei que tamei lá tavas. Olha caté pensei que eras uma das petizas que lá foram a balhári, ó andar de bescleta.
Mas olha que tacredito qué tamei era de fugiri a Mar é que nã podi. É qué aquela coisa dos ossos do óficio....

*Mar disse...

(é só rir, com os diálogos em alentejanês destas duas...)